10 de jul de 2013

Evento discute projeto Cidade do Saber nas Escolas

 

aultem O auditório 01 do prédio de capacitação da Cidade do Saber (CDS) foi cenário de encantamento na tarde desta terça-feira (09/07). Isso porque foi realizada, pela Coordenação de Educação da Instituição, uma atividade de integração com educadores e colaboradores da CDS, Seduc (Secretaria de Educação de Camaçari) e de escolas municipais, na qual foi possível conhecer melhor o projeto piloto Cidade do Saber nas Escolas.

Ao adentrar o espaço, diversos materiais expostos permitiam aos participantes observar os trabalhos realizados nas aulas de artes visuais. Enquanto os olhares estavam voltados aos desenhos, os ouvidos deleitavam-se nos acordes dos educadores de música que mostravam um pouco do que pode ser aprendido nas aulas de iniciação musical.

Os professores Uri Menezes, Jorge Gomes, Tárcila Silva e Cesar Henrique também fizeram breves demonstrações do trabalho que realizam. Quem estava no auditório foi convidado a participar, tornando-se, por alguns instantes, aluno, e tendo maior noção de como as atividades lúdicas podem contribuir diretamente no processo de aprendizagem em sala, além de fortalecer o sentimento de pertencimento do estudante com a escola.

O público assistiu, ainda, a um vídeo com depoimentos de educadores do projeto, coordenadores e diretores de escolas.  “Está sendo uma experiência enriquecedora para a nossa comunidade escolar, pois os nossos alunos estão tendo oportunidade de desenvolver novas habilidades que servem de apoio ao ensino das disciplinas regulares”, afirmou a coordenadora da Escola Municipal José Marques Teixeira, Ana Caroline.

Ao final do evento, o secretário de Educação, Valter Lima, se mostrou entusiasmado com o conteúdo exposto. “É um projeto que tem tudo para dar certo. Se continuar sendo desenvolvido desta forma, futuramente terá ótimos resultados”, pontuou. A diretora geral da Cidade do Saber, Ana Lúcia Silveira, afirmou que a Instituição “está apostando com muito carinho nessa iniciativa que contribui consideravelmente para o aprendizado dos estudantes de Camaçari”.

Aula violoncelo Cidade do Saber nas Escolas - Desde o dia 6 de maio, a Cidade do Saber ampliou seu atendimento em Camaçari, que vai beneficiar, pelos próximos dois anos, cerca de 15 mil estudantes de 26 escolas do município com os serviços oferecidos pelo complexo.

Para os educandos do ensino fundamental 1, são oferecidas aulas de artes visuais, dança, teatro, musicalização, jogos educativos, karatê, futsal e futebol. As atividades, que atendem aos parâmetros curriculares do MEC, ocorrem uma vez por semana, no mesmo turno escolar. Já os estudantes do ensino fundamental 2 são contemplados com os projetos Talentos Científicos e Iniciação Musical.

O primeiro ocorre em parceria com a empresa Braskem, através de visitas dirigidas ao Museu Unica de Ciência e Tecnologia, localizado no segundo andar do prédio de educação da Cidade do Saber, que são acompanhadas por especialistas nas áreas de química e física.

As aulas de iniciação musical acontecem duas vezes por semana, no contraturno escolar. Em sete polos sinfônicos distribuídos igualmente entre escolas da sede e orla, é possível aprender violino, viola orquestral, violoncelo, contrabaixo acústico, flauta transversal, clarineta, trompa, trombone, trompete ou percussão.  

O projeto piloto está sendo realizado em virtude de um contrato de gestão, assinado entre a Cidade do Saber e a Prefeitura de Camaçari através da Secretaria de Educação (Seduc).

Nenhum comentário:

Postar um comentário