9 de jun de 2010

Núcleo de Música da Cidade do Saber dá uma lição de integração social



Vencer barreiras, se superar. Este parece ser o lema de Leonardo Fernandes de Souza, 20 anos, portador de Síndrome de Down e aluno de bateria do Núcleo de Música da Cidade do Saber.

Leonardo sempre gostou de música. Mas, somente através da oportunidade oferecida pela Cidade do Saber, que ele pôde, enfim, tocar o instrumento que sempre sonhou e, desde o início de 2010, Leonardo é um educando de bateria. A princípio, as aulas eram particulares, ministradas pelo coordenador do Núcleo de Música, Raul Carlos Gomes. Gradativamente, o professor foi percebendo a evolução do aprendizado do seu educando e viu a possibilidade de integrá-lo com os outros alunos de bateria.

Leonardo Fernandes está na turma regular do instrumento há três semanas. O que se percebe nitidamente é o empenho que ele dedica às aulas. Segundo Raul, ele demonstra uma aptidão natural “Leonardo tem ritmo, acompanha sem qualquer problema os outros alunos”, declarou o professor, que observa, também, a receptividade dos outros educandos com o novo colega: “Ele foi muito bem recebido”.

Só a superação já seria motivo suficiente de festividade. Mas fica, sobretudo, a lição de integração social, onde prevalece o incentivo e a percepção de que a diversidade é enriquecedora e que os seres humanos podem e devem ser "iguais nas diferenças"!

Nenhum comentário:

Postar um comentário